Como é Rodar Num Uber Autônomo

Em setembro desse ano a Uber colocou em funcionamento seu projeto experimental de carros autônomos com parceria com a Ford. Já falamos sobre a intenção deles nesse post e suas implicações até para para seus colaboradores, como os próprios motoristas da Uber.

A revista Business Insider foi até Pittsburg e mostrou como foi a experiência num desses carros. Segundo a revista, quando se chama um Uber x é praticamente a mesma que qualquer carro em qualquer cidade. Porém quando se é escolhido para um carro autônomo, você recebe uma notificação:

  • Você foi selecionado para o carro autônomo.
  • O limite é de 2 passageiros; porque nos bancos da frente vão um motorista e um engenheiro da empresa.
  • Obrigatório o uso de segurança.
  • A corrida, por ser experimental, sai de graça!

Ainda é relatado que o motorista era sempre instruido a segurar o volante o tempo que os sinais sonoros e mensagens no painel avisassem da necessidade e que em diversas ocasióes o motorista toma o controle quando a situação parecia complexa demaiis para os algoritimos do carro. Apesar disso, a viagem relatada mostrou-se segura, veiculo para em sinais de trânsito e placas, com uma condução suave praticamente o tempo todo.

Você pode ver a matéria completa no AutoEsporte!

 

Vídeo de Modo Autônomo da Tesla

A Tesla lançou recentemente um vídeo demonstrando o modo de direção totalmente autônoma, com acompanhamento em tempo real do modo como o computador “visualiza” objetos reais como carros, pedestres e objetos por exemplo. Pode-se ver que o sistema não é totalmente perfeito; vê-se que ele para inadequadamente por causa de pedestres correndo ao lado direito (aprox. 1:30 min) porém não é difícil se surpreender com o fato de que o sistema é capaz de se virar sem a interferência do motorista em diversas situações difíceis como emergir ao tráfego, ou parar para entrar em ruas a direita e a esquerda.

 

 

Gp dos Estados Unidos 2016: Helicóptero na P3

Pra quem perdeu a terceira rodada de treinos livres, um helicoptero passou rasante na pista, confira as imagens no tweet do @Mattzel89:

 

Atualização do Autopilot Punirá Motoristas Desatentos

autopilot
Nova atualização mira na segurança

A nova atualização do sistema semi-autônomo da Tesla, o Autopilot virá com uma função que punirá motoristas desatentos, chamada “procedimento de aborto” segundo a Eletrek, um blog dedicado a temas de sobre mobilidade e eletricidade.

Segundo o site, o procedimento funciona da seguinte forma: se o motorista não obedece a instrução de colocar a mão no volante após 15 segundos, o sistema entra em ação, redizindo o volume do rádio do carro e reduzindo consideravelmente a velocidade do carro até que o piloto volte a colocar as mãos no volante. Após isso, o Autopilot só poderá ser acionado novamente uma vez que o carro estiver parado e colocado em modo de estacionamento (park). É um modo de penalizar quem usa o sistema de forma perigosa e irresponsável e também pode salvar vidas caso o motorista esteja incapacitado de dirigir enquanto o Autopilot estiver ligado. O modo autônomo da Mercedes Benz classe E também tem uma função bem parecida que faz o carro parar e ligar o pisca alerta.

Outras atualizações incluem melhorias e possibilidade de guiar o carro em saidas de estradas, usando apenas através das luzes de direcionamento (setas). Isso é possivel graças a melhorias em seus dispositivos de mapeamento. Não ha data definida para que a atualização esteja disponível.

Fonte: Autoblog
I
magem: Cnn

Os 3 Carros Mais Caros nos Estados Unidos

Quando se fala de preços, sabemos que o Brasil é um padrão de preços abusivos, principalmente quando falamos sobre Carros. E a discussão sobre o preço Brasil, de impostos a lucros abusivos, vai além do coompreensivel.

Já nos Estados Unidos, o fã de carro é muito mais feliz; uma infinidade de carros a disposiçao, além de muito mais acessíveis. Isso não impede porém de existirem carros muitos caros. E a lista abaixo mostra os carros mais caros feitos nos Estados Unidos que seus cidadãos podem comprar:

3. Acura NSX:

acura nsx

A Acura é o braço da Honda no mercado norte americano, quase nos mesmos moldes que a Lexus foi criada pela Toyota. E é claro que quando a Honda planejou o novo Nsx ele planejou lançá-lo num mercado promissor e concorrido, como o dos Estados Unidos. Com a bagatela de 157 mil a 200 mil dólares voc6e já consegue levar um desses pra casa!

Continuar lendo

Uber e Carros Autônomos

uber volvo
A Fronteira Final?

Já não é de hoje que o Uber vem angariando polêmicas. Em Pittsburgh, cidade da Pensilvania, Estados Unidos, o Uber vai deixar que seus clientes viajem em carros autônomos, com parceria da Volvo.

A principio, todos os carros serão supervisionados por motoristas capazes de assumirem o volante em eventual anormalidade; “… o Uber vai permitir que clientes no centro de Pittsburgh peçam carros sem motorista de seus celulares, cruzando uma linha importante que nenhuma empresa automotiva ou de tecnologia ultrapassou”, disse um porta-voz do Uber à BBC.

Continuar lendo

Uma Simples Mudança Transformou Uma das Esquinas Mais Perigosas de Los Angeles

scramble crossEm Los Angeles nos Estados Unidos, a esquina da Hollywood Boulevard com a Highland Avenue é uma das mais famosas do mundo. Você a ve todos os anos quando transmitem a noite do Oscar, para citar o exemplo mais famoso. Mas ela possui um dado muito triste e sombrio: é conhecida por ser uma das esquinas mais perigosas para pedestres! Mas isso mudou há cerca de 6 meses.

O fato de ser uma das esquinas mais perigosas vai justamente no fato de que por ser famosa, ela fica constantemente cheia de carros e pessoas que são turistas. E como turistas não prestam muita atenção no trânsito (tanto pedestres quanto motoristas) o risco de acidente é bem mais elevado.

Tudo mudou quando resolveu-se dedicar um ciclo apenas para pedestres, auxiliando assim o conflito que tinha antes de se virar a esquina ter de esperar o pedestre atravessar.Isso parece relativamente normal nas grandes avenidas brasileiras, mas nos Estados Unidos náo há esse padrão.

Outra mudança significativa foi o fato de se instalar faixas diagonais, iguais a que ficaram muldialmente conhecidas em Tokyo e existem até em alguns cruzamentos aqui em São Paulo travessias em “X”. Nos estados Unidos, a chamam carinhosamente de “scramble crosswalk”.

 Fonte: Gizmodo