5 Fatos Sobre o GP da Austrália 2015

hamilton
Hamilton no pódio. Fonte: Formula1.com

O primeiro round da Formula 1 de 2015 trouxe notícias boas e ruins. Dentre elas, prefiro ser mais otimista, pensar que esses erros vão ser corrigidos, ou ao menos amenizados:

  1. Poucos carros no grid: o fato não me incomodou muito pessoalmente, mas pode assustar puristas, ou pessoas que já estão acompanhando a Formula 1 desde muito tempo: 15 carros despontaram na largada no dia 15 de Março.
  2. Categoria Mercedes: a diferença disparada da equipe Mercedes Benz vai soar repetitivo e chato de acompanhar as primeiras posições. Hamilton foi implacável, Rosberg fez seu papel. Parece, as vezes que eles fazem parte de uma outra categoria em uma mesma corrida.
  3. McLaren/Honda fraca: ou foi muita expectativa, ou foi muito otimismo. Talvez um pouco dos dois. Isso provavelmente ficou ainda mais evidenciado pela falta do Alonso na corrida. Fato é que a equipe tem muito o que evoluir, teria um resultado pior só se o Button não terminasse.
  4. Som dos motores: vai agradar quem reclamou do som dos motores no ano passado: os motores gritam mais alto esse ano. Não tanto quanto os V8, também por causa do giro, mas não desagrada.
  5. Brasileiros: A dupla dos Felipes se deram bem, em especial ao Nasr, lutou e conseguiu pontuar em seu primeiro GP, algo então inédito para um brasileiro na Formula 1. Já o Massa amargurou um 4° lugar pela estratégia da equipe.

Quer saber mais do Gp da Autrália? Confira os detalhes: